Dicas para manter os móveis da área externa impecáveis

Os móveis planejados apresentam diversas vantagens, inclusive a sua durabilidade extensa. Porém, quando estas mobílias são colocadas em áreas externas da residência, como sacadas, varandas e jardins, ser requer uma maior cautela para a sua conservação.

O excesso de sol, poeira, umidade e a utilização de produtos impróprios, são os maiores vilões dos móveis planejados e também se tratam de fatores praticamente impossíveis de serem evitados. Porém, nem tudo está perdido!

Isto porque existem algumas dicas simples de higienização, polimento e preservação dos materiais dos móveis que evitam o deterioramento, fazendo com que se mantenha uma aparência única e passando a sensação de que acabaram de sair da loja. Veja a seguir algumas dicas de conservação de móveis planejados da área externa.

Exposição ao sol

O sol é um dos fatores que mais prejudicam a conservação do seu móvel planejado, principalmente no verão. As mobílias planejadas de madeira merecem o dobro de atenção, para evitar manchas de desbotamento que surgem facilmente.

Para impedir estas manchas e outras marcas que o excesso de luz solar causa, é recomendado que o morador utilize esmaltes e vernizes com substâncias feitas propositalmente para absorverem os raios ultravioleta, ou seja, funcionando como espécie de filtro solar.

Outra dica é a utilização de óleo de peroba para que os móveis não fiquem sempre expostos ao sol, visto que o óleo é próprio para evitar qualquer ressecamento da madeira.

É válido lembrar que, no caso do óleo de peroba, o seu efeito possui uma duração menor, geralmente de dois meses e, portanto, deve ser aplicado com uma maior frequência.

Fuja dos produtos abrasivos

Cloro, saponáceos, esponjas de aços e outros tipos de produtos abrasivos devem manter distância dos seus móveis planejados. Ou seja, todos aqueles produtos de limpeza de origem sintética ou mineral que são utilizados para limpar diversas superfícies.

O motivo para não utiliza-los se deve ao fato de que eles podem acabar corroendo internamente os revestimentos, deixando a estrutura enfraquecida e  com uma aparência de móvel envelhecido.

Para efetuar uma limpeza correta, utilize um pano levemente umedecido (nunca molhado!), e para retirar alguma mancha mais resistente, opte por uma bucha macia com sabão neutro (não-alcalino), ou álcool. Ambos os tipos citados acima devem receber um pano seco após a limpeza.

Vale lembrar que é imprescindível realizar uma limpeza regularmente nos móveis planejados expostos, para que se mantenha a qualidade.

Mofo

O mofo é um grande inimigo de qualquer móvel, exposto na área externa ou não. O mofo e os bolores surgem em ambientes que são expostos a umidade e temperatura alta, ou seja, exatamente neste tipo de ambiente que o seu móvel planejado está.

Uma das dicas para evita-los é utilizar o bicabornato de sódio, que ajuda na absorção de odores dentro do móvel. Por isso, é recomendável que sempre se mantenha um frasco fresco de bicabornato aberto em gavetas do seu móvel, efetuando a troca a cada seis meses.

Assim como o bicabornato, outra opção que vem diretamente de métodos utilizados pelos mais velhos, é utilizar pedaços de giz ou sacos de cal, que também funcionarão como desumificadores caseiros.

Umidade

A água é uma grande inimiga dos móveis planejados. Por isso, é necessário estar sempre atento(a) para goteiras, chuva ou umidade em excesso no local onde se encontram, evitando qualquer risco de estufamento ou rachaduras. Caso estes móveis estejam no mesmo ambiente que piscinas ou chuveiros, é necessário mantê-los o mais longe possível.

Executando essas dicas simples, com certeza você conseguirá preservar os seus móveis planejados localizados na área externa de sua residência!